sábado, 17 de abril de 2010

Gustavo


Dia 17 de abril de 2007 nasceram milhares de crianças pelo mundo todo. Mas em especial, uma criança chamada Gustavo Seeger Duarte. Em uma família meio desestruturada, ele chegou para unir e trazer felicidade. Achei estranho no começo, pensei até que fosse mentira... "como assim, um irmão mais novo?"
Mas com o tempo comecei a ser mais ligada à ele, na verdade uma das únicas pessoas que me faziam rir era o Guh. Não sei oque as crianças têm, elas não se importam como você se veste, ou como você é, pois elas são tão inocentes, tão felizes, tão sinceras... porque todas as pessoas não são assim? Isso é mais um motivo para eu amar ele.
Quando eu estou triste ou mau-humorada, ele me acorda dizendo "bom dia tatália!", isso sim me tras felicidade. O sorriso dele é lindo, não tenho palavras.
Mesmo ele não lendo isso, e estar fazendo apenas 3 aninhos, eu faço questão de escrever. Porque se me perguntassem o que é felicidade, eu diria amor. E o amor que eu sinto pelo Gustavo é muito grande, maior do que qualquer um.

2 comentários:

  1. irado naty, bem real oq tu disse.
    também tenho um irmão de 3 anos.
    porque todos não são como crianças? :x

    ResponderExcluir